Menu fechado

Secretaria da Economia não comenta hipótese de Uber regressar à Madeira

Perante a constatação, em carta aberta do director-geral da Uber ao Presidente da Assembleia Legislativa da Madeira e ao Presidente do Governo Regional, de que o regime de TVDE dos Açores foi considerado inconstitucional e, por conseguinte, o da Madeira poderá seguir o mesmo caminho, a Secretaria Regional de Economia opta por não comentar.

Confira as notícias em destaque na edição impressa do DIÁRIO de hoje.

Sendo o organismo do Governo Regional que trabalhou a adaptação da legislação nacional à realidade regional, nomeadamente limitando o número de veículos e de operadores no mercado madeirense, muito idêntico ao que ocorreu com o regime adaptado nos Açores e que o Tribunal Constitucional declarou ser inconstitucional, o DIÁRIO tentou obter uma reacção esta manhã, sem sucesso.

O responsável em Portugal da empresa multinacional, Manuel Pina, também referiu que enviou cartas à Procuradoria-Geral da república, à Provedora de Justiça e ao Representante da República para a Madeira dando conta desta decisão, o que abre portas ao regresso ao mercado regional depois de praticamente ter desistido em 2021 quando as medidas restritivas foram implementadas.

O Director-Geral em Portugal aconselha a Região a “transformar o TVDE num motor de crescimento e de melhoria da mobilidade”

Contudo, refere que “a Uber continua comprometida em servir os utilizadores, motoristas e operadores TVDE da Madeira”, lê-se na missiva que o DIÁRIO publicou em manchete esta quinta-feira, 21 de Abril.

Reportagem Original


Caso ainda não conheça nossa comunidade, o Mundo Uber tem um fórum onde os membros podem interagir e postar dicas e dúvidas para os demais motoristas de aplicativo. Para acessar o fórum, é bem simples, basta clicar nesse link:
https://mundouber.com/forum/

0 0 votes
Article Rating

Deixe uma resposta

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x