Menu fechado

Motorista de aplicativo denuncia que foi vítima de golpe em Teresina

O GP1 recebeu, nessa segunda-feira (21), denúncia de um motorista de aplicativo, que preferiu não se identificar, afirmando que foi vítima de um estelionatário.

Ele relatou que trabalha com carro alugado e que na procura por um veículo para alugar encontrou o contato de José Moisés Rodrigues da Silva, através de um anúncio postado no site da OLX, no último dia 16 de dezembro.

  • Foto: Divulgação/GP1À esquerda o acusado e à direito o carro utilizado por ele

“Começamos a conversar, questionei se ele teria veículo disponível e ele afirmou que tinha um modelo Onix. Segundo ele, o carro estava no conserto por conta do ar-condicionado que estava com problema, mas que no dia seguinte estaria tudo ok, no caso quinta-feira (17)”, contou o denunciante.

Ainda de acordo com o motorista de aplicativo, José solicitou a ele toda a documentação pessoal, e que foi enviado. “Ele me mandou o contrato pra eu ler, li tudo, aparentemente tudo perfeito, ele disse que vinha deixar o carro aqui em casa e mandei a localização, até então não desconfiei, porque poderia ser por questão de segurança do carro dele”, disse.

“Ele veio, me mostrou o carro todo, paguei R$ 300 em espécie e R$ 1.170 via transferência, que era R$ 1 mil de caução e R$ 470 da semana”, completou.

Segundo o denunciante, o golpe aconteceu logo em seguida. “Ele pediu que eu fosse deixa-lo na Raul Lopes. Ele parou na frente da New Land, fez como se fosse descer do carro porque a esposa, de acordo com ele, iria pegá-lo. Foi quando ele disse que o cara que estava com o carro falou que tinha uma lâmpada queimada, e que era pra eu descer pra ver, que ele ia pisar no freio. Na hora que eu desci do carro, ele arrancou com tudo, me deixando a ver ‘navios’”, lembrou indignado.

Veja também:  [Vídeo] candidatos a prefeito de Teresina apoia motorista de aplicativo Uber 99 pop indraiven

De acordo com o denunciante, o carro utilizado pelo acusado é de uma locadora localizada em Fortaleza, no Ceará.

Ele registrou Boletim de Ocorrência no 12°DP, comandado pelo delegado Ademar Canabrava, que já iniciou as investigações. No entanto, o acusado ainda não foi preso.

Já é conhecido da Polícia

Em novembro de 2018, José Moisés chegou a ser encaminhado para a Central de Flagrantes de Teresina acusado de estelionato, no entanto, ele foi liberado após ter passado o prazo de flagrante.

Na época, ele foi acusado de aplicar golpes com vendas de celulares. Ele ofereceu um celular mais barato, através da OLX, e marcou de entregar o aparelho em um shopping. No dia, ele entrou na loja como se fosse negociar o celular e pediu o dinheiro para adiantar a compra. Em seguida, ele foi ao banheiro e fugiu com o dinheiro.

NOTÍCIA RELACIONADA

Polícia Civil investiga homem acusado de estelionato em Teresina

Reportagem Original


Caso ainda não conheça nossa comunidade, o Mundo Uber tem um fórum onde os membros podem interagir e postar dicas e dúvidas para os demais motoristas de aplicativo. Para acessar o fórum, é bem simples, basta clicar nesse link:
https://mundouber.com/forum/

Deixe uma resposta

Pular para a barra de ferramentas