Menu fechado

A Uber vai virar fintech?

Uma tendência crescente de mercado

A Uber não é a única fornecedora da conta digital, mas não seria uma surpresa se esse cenário mudasse. É o que tem acontecido com diversas startups: o aplicativo de entrega de tudo, Rappi, possui sua carteira digital e cartão; o Magalu possui o Magalu Pay; o Mercado Livre possui o Mercado Pago; a Americanas tem o AME… A lista é longa.

Esse fenômeno tem sido chamado de “fintechização” das empresas. Hoje, elas estão fazendo parcerias ou até mesmo adquirindo soluções para tornar processos mais eficientes. Elas compreenderam que a experiência do usuário conta do início ao fim — passando também pelo pagamento, não apenas na utilização do serviço/produto.

O que era aprendizado, virou estratégia. Diversas empresas têm se tornado cada vez mais presentes em setores que não são suas propostas originais.  Enquanto garantem a qualidade de um serviço do início ao fim, também podem economizar e trazer mais conhecimento para dentro de casa. No caso dos serviços financeiros, o ganho também é monetário, pois podem diminuir o gasto com transações.

Não por acaso, as fintechs foram o “tipo de startup” mais adquirido em 2020, com 15 empresas compradas. Entre as aquisições, estão a da Hub Fintech pela Magalu (por R$ 290 milhões) e da Parati Créditos e BitCapital pela AME. Ainda existe dúvida de que elas pretendem avançar cada vez mais nesse sentido?

Reportagem Original


Caso ainda não conheça nossa comunidade, o Mundo Uber tem um fórum onde os membros podem interagir e postar dicas e dúvidas para os demais motoristas de aplicativo. Para acessar o fórum, é bem simples, basta clicar nesse link:
https://mundouber.com/forum/

Veja também:  [Vídeo] 🚨UBER AQUI É PROIBIDO 🚨SE ENTRAR A BALA COME😱!#uber#uberdaquebradavip#99pop
0 0 vote
Article Rating

Deixe uma resposta

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas